Ultimi post
Powered by Blogger.

Poema Antigo – Caio Fernando Abreu

                   

         

Caio Fernando Abreu  

12 settembre 1948, Santiago, Rio Grande do Sul 
25 febbraio 1996, Porto Alegre, Rio Grande do Sul  


I libri di Caio Fernando Abreu sono acquistabili su:laFeltrinelli.it, Amazon e Abebooks.it

            
 

Poema Antigo 
     
Está tudo planejado: 
se amanhã o dia for cinzento, 
se houver chuva 
se houver vento, 
ou se eu estiver cansado 
dessa antiga melancolia 
cinza fria 
sobre as coisas 
conhecidas pela casa 
a mesa posta 
e gasta 
está tudo planejado 
apago as luzes, no escuro 
e abro o gás 
de-fi-ni-ti-va-men-te 
ou então 
visto minhas calças vermelhas 
e procuro uma festa 
onde possa dançar rock 
até cair


Poema Antico 
    
E’ tutto pianificato: 
Se domani il giorno sarà grigio, 
se ci sarà pioggia, 
se ci sarà vento, 
o se sarò stanco 
di questa antica malinconia 
ceneri fredde 
sulle cose 
conosciute per la casa 
la tavola apparecchiata 
e sprecata 
è tutto pianificato 
spengo le luci, al buio 
e apro il gas 
de-fi-ni-ti-va-men-te 
oppure 
vesto i miei pantaloni rossi 
e cerco una festa 
dove si possa danzar rock 
sino a cadere

 Torna alla scheda dell’autore

 CAIO FERNANDO ABREU

*traduzione non ufficiale

Item Reviewed: Poema Antigo – Caio Fernando Abreu Rating: 5 Reviewed By: Gianluigi D'Agostino