Ultimi post
Powered by Blogger.

Poesia 1 – Hilda Hilst

Hilda Hilst   

21 de abril de 1930, Jaú, San Paolo  
4 de fevereiro de 2004, 
Campinas 

I testi di Hilda Hilst sono disponibili per l’acquisto su:
 
Amazon.it

 

Poesia I

Corroendo
As grandes escadas
Da minha alma.
Água. Como te chamas?
Tempo.
  
Vivida antes
Revestida de laca
Minha alma tosca
Se desfazendo.
Como te chamas?
Tempo.

Águas corroendo
Caras, coração
Todas as cordas do sentimento.
Como te chamas?
Tempo.

Irreconhecível
Me procuro lenta
Nos teus escuros.
Como te chamas, breu?
Tempo.

Poesia I
    
Corrodendo
Le grandi scale
Della mia anima.
Acqua. Come ti chiami?
Tempo.
 
Vissuta prima
Rivestita di lacca
La mia anima intatta
Disfacendosi.
Come ti chiami?
Tempo
 
Acque corrodendo
Visi, cuore
Tutte le corde del sentimento
Come ti chiami?
Tempo.
   
Irriconoscibile
Mi cerco lentamente 
Tra i tuoi bui.
Come ti chiami, pece?
Tempo

 Torna alla scheda dell’autore

 HILDA HILST

*traduzione non ufficiale

Item Reviewed: Poesia 1 – Hilda Hilst Rating: 5 Reviewed By: Gianluigi D'Agostino