Ultimi post
Powered by Blogger.

O Exemplo das Rosas – Manuel Bandeira

manuel-bandeira[3]

  

Manuel Bandeira  

19 aprile 1886, Recife, Pernambuco  
13 ottobre 1968, Rio De Janeiro  



I testi di Manuel Bandeira possono essere acquistati su: Amazon e Abebooks.it
 

 

O Exemplo das Rosas
  
Uma mulher queixava-se do silêncio do amante:
- Já não gostas de mim, pois não encontras palavras para me louvar!
Então ele, apontando-lhe a rosa que lhe morria no seio:
- Não será insensato pedir a eesta rosa que fale?
Não vês que ela se dá toda no seu perfume?

L’esempio delle Rose

 

Una donna si lamentava del silenzio dell’amante:

- Non ti piaccio più, visto che non trovi le parole per elogiarmi!

Lui, dunque, indicandole la rosa che le moriva in seno:

- Non sarà insensato chiedere a questa rosa che parli?

Non vedi che lei si concede tutta a te con il suo profumo?

 Torna alla scheda dell’autore

 MANUEL BANDEIRA

*traduzione non ufficiale

Item Reviewed: O Exemplo das Rosas – Manuel Bandeira Rating: 5 Reviewed By: Gianluigi D'Agostino